Autor: Bernardes, Pe. Manoel​
Título: OS ULTIMOS FINS DO HOMEM
Editor: Officina de Joseph Antonio da Sylva
Local: Lisboa Occidental
Data: 1728
Descrição:

Bernardes, Pe. Manoel
OS ULTIMOS FINS/ DO/ HOMEM,/ Salvaçaõ, e Condenaçaõ Eterna./ Tratado Espiritual, Dividido em dous Livros, Officina de Joseph Antonio da Sylva, Lisboa Occidental, M DCCXXVIII  [1728].
In-8º gr., de (XII)-467 pp., c/ a encadernação inteira, em couro escurecido, que apresenta nervuras, rótulo em pele grenat  e dourados na lombada, e que, supomos, tratar-se da encadernação original.  As folhas iniciais não-numeradas correspondem à folha de rosto, Advertencia, Licenças, Approvaçaõ (3)  e Index.  A colação dos cadernos é a seguinte:  *4, **2, A-Z[J, U]8, Aa-Ee8, Ff-Gg4, Hh2. 
Papel de boa qualidade c/ mancha gráfica centrada e boas margens, nas quais se optou por colocar as refªs bibliográficas,  e que apresenta alguns frontões, peq. e singelos florões de remate e algumas capitais decoradas.  Aparado à cabeça e c/ carimbo de posse de biblioteca de ordem religiosa na folha de rosto.  1ª edição.
A obra contém as 2 partes, ou livros referidos no frontispício, “No primeiro se trata da singular providencia de Deos na salvaçaõ das almas; no segundo das causas geraes da perdiçaõ das almas, ou estradas commuas do Reyno da morte” e faz jus à aclamada eloquência do seu autor, o Pe. Manuel Bernardes da Congregação do Oratório de Lisboa, que, juntamente c/ o Pe. Antº Vieira, têm sido considerados os expoentes da retórica religiosa portuguesa.


Sobre a biografia do Pe. Mel. Bernardes, diz Innocêncio da Silva:  “Presbítero da Congregação do Oratorio de Lisboa, cuja roupeta vestiu aos trinta annos de edade, sendo já graduado pela Universidade de Coimbra nas Faculdades de Canones e Philosophia. — N[asceu] em Lisboa a 20 de Agosto de1644, e m[orreu] na casa do Espirito-sancto, a 17 de egual mez de 1710, havendo perdido inteiramente o siso dous annos antes. Para a biographia e apreciação critica d’ este nosso estimabilissimo escriptor e perfeito mestre da lingua, consulte-se a Noticia da sua vida e obras, no tomo VII da Livraria Classica Portuguesa dos srs. Castilhos, pag. 71 a 142, sendo o resto d’ esse volume, bem como os seis antecedentes, preenchidos na totalidade com excerptos tirados da voluminosa collecção das proprias obras.  (...) — Na Biblioteca Nacional existe o seu retrato de meio-corpo, e outro quadro representando a cabeça.  Tambem os volumes das suas obras impressas costumam andar pelo commum acompanhados de um retrato que foi em Roma gravado por Rossi, a diligencia e cuidado do outro congregado, P. Antonio dos Reis, como declara Barbosa na Bibl.”  (Innocencio, V, 374; tb 375).  Ver tb Barbosa, III, 194-6. Exemplar completo.  Não consta a reprodução referida por Innocencio na maioria das obras e edições coevas consultadas.

Sobre esta obra, vale a pena ler a clara exposição de Maria Lucília Gonçalves Pires, publicada no anexo VIII da Revista da Faculdade de Letras - Línguas e Literaturas, F.L.U.P., Porto, 1977, a pp.173-186, e disponível também em:  https://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/artigo5761.pdf

Estado de conservação: desgaste ligeiro da pele das capas; foxing e manchas do papel; sinais leves de uso.
Dim.:  21 x 15  cm

Preço: € 300
Referência: l-1012043-34